Disciplinas de Cursos Superiores

Análises das matérias de cursos superiores escritas por estudantes universitários e graduados das universidades: USP, UFMG, UNIP, UERJ, UFJF, UFOP, UNIFESP, Unigranrio, PUC-SP, UFSC, Fatec-SP, UFABC, UFF, UFPI, ULBRA, entre outras.


Faculdade de Ciências Contábeis: Contabilidade Financeira



Contabilidade financeira, quando ouvimos esta palavra logo pensamos em cifras, finanças e na verdade é bem isso, a contabilidade financeira trata das finanças, mas de um jeito bem peculiar.

Contabilidade financeira

Quando começamos as aulas de contabilidade financeira logo achei que era fácil, pois pelo nome logo pensei, vou fazer o que mais gosto, contas.

É engraçado como me enganei a respeito da matéria; é claro que tínhamos aulas que utilizávamos cálculos, as aulas eram bem divididas entre as aulas práticas e as aulas teóricas, porém eu percebi que as aulas teóricas nesta matéria eram bem mais importantes; pois na contabilidade financeira utilizamos muita informação, posso até dizer que a minha dificuldade estava nesta questão, como um trabalho que utilizamos cálculos em praticamente tudo me aparece uma vertente que utiliza cálculos, mas as informações são tão importantes quanto os cálculos.

A cabeça de quem começa um curso como o de ciências contábeis é bem assim, acha que cálculos é o mais importante e essa foi a minha dificuldade; entender que eu precisa das informações, não só dos cálculos, essa matéria foi inserida na grade curricular junto com estatística, e eu também tive dificuldade em entender porque tinha essas duas matérias ministradas pelo mesmo professor, mas com o decorrer das aulas é claro que todas as dúvidas foram sendo sanadas, e conforme eu entendia a matéria de estatística eu também entendia a contabilidade financeira.

Quando eu entendi que a contabilidade financeira tinha o objetivo analítico do patrimônio empresarial as coisas começaram a fluir bem; pois eu entendi que a finalidade da contabilidade financeira era identificar, analisar, medir e interpretar todas as informações, para uma boa gestão de negócios.

Não foi fácil no início, mas graças aos mestres que tínhamos as dificuldades sempre apareciam, mas também sempre eram resolvidas. Tive esta matéria na mesma época que tive estatística; porém, tivemos uma pausa e a matéria de contabilidade financeira só retornou a grade no penúltimo semestre.

Os mestres

Como estávamos bem no final do curso já tínhamos uma certa “intimidade” com os professores; até porque, os mestres não mudaram desde o começo do curso, entraram alguns, porém os que iniciaram não saíram e passar cinco anos tendo aulas todos os dias com os mesmos professores, acaba-se criando uma certa amizade e liberdade.

Então quando tínhamos alguma dúvida ou não entendíamos de forma alguma a matéria, tínhamos a liberdade de ir e falar abertamente com os mestres, e, diga-se de passagem, tínhamos ótimos professores, eles entendiam demais dos assuntos e tinha uma forma de explicar que não nos deixava com dúvidas. Tínhamos muitas ferramentas na Faculdade, os laboratórios eram de qualidade os computadores eram de primeira linha.

Mas posso dizer que os professores foram as nossas melhores ferramentas para se ter uma boa qualidade na formação.

Conclusão

Precisamos estudar com afinco, ter uma faculdade que nos forneça ferramentas eficazes como um bom laboratório, um espaço físico amplo, um local agradável, mas sem dúvidas a ferramenta humana (os professores) tem que ser os mais qualificados.

Sem dúvidas a ferramenta humana é a mais importante em qualquer área de ensino.

Irene Gomes da Silva, graduada em 2011- FNC Carapicuiba



 

Veja também:

CURSOS NAS ÁREAS:

  • Exatas
  • Humanas
  • Biológicas

© 2016-2017   |   faculdades.inf.br   |   Em Jesus Cristo nós confiamos