Disciplinas de Cursos Superiores

Análises das matérias de cursos superiores escritas por estudantes universitários e graduados das universidades: USP, UFMG, UNIP, UERJ, UFJF, UFOP, UNIFESP, Unigranrio, PUC-SP, UFSC, Fatec-SP, UFABC, UFF, UFPI, ULBRA, entre outras.


Metodologia do Treinamento Físico - Curso de Educação Física



Sobre a metodologia do treinamento físico, fiz uma disciplina que gostei muito de fazer, uma optativa chamada Aspectos Biodinâmicos da Atividade Física. As aulas eram realizadas no ginásio da faculdade. Ela ensina sobre como se pratica a corrida de forma correta, com aulas práticas em que vão ser ensinadas as formas corretas de fazer a atividade e algumas atividades teóricas para fazer em casa.

Nessa matéria se estuda tudo sobre corrida e a metodologia do treinamento físico. A dificuldade maior para quem está começando é fazer os exercícios que são pedidos pra casa (criar o hábito de praticar), e para quem já pratica é se adequar aos novos hábitos e não cair nos velhos hábitos antiquados que poderiam estar sendo feitos na prática da atividade.

O que o professor mais cobrava eram as atividades que eram passadas pra casa. Essa disciplina contribuiu muito para o meu curso pois é uma área que gosto muito de forma geral a atividade física, em especial a corrida e ainda era ano de Olimpíadas -ano em que tive a honra de poder assistir o jamaicano Usain Bolt correr no estádio João Havelange.

E eu tirei uma nota muito boa que pode contribuir para o meu currículo por ser uma área afim e poder adquirir um foco mais interdisciplinar por ser um curso voltado para a ciência.

Princípios do Treinamento Físico

1. Como se consiste o aquecimento no Treinamento Físico? Como ele deve ser feito?

O aquecimento como o próprio nome diz, consiste em elevar a temperatura do seu corpo porque elevar a temperatura do corpo aumenta a eficiência do desempenho físico, isso ajudará você a prática da atividade subsequente. Comece caminhando ou correndo lentamente por 5 a 10 minutos lembrando que num dia muito frio a duração do aquecimento deve ser aumentada.

2. Qual a importância dos exercícios de flexibilidade (alongamento) no aquecimento? Como ele deve suceder?

Para completar o seu aquecimento você pode acrescentar exercícios de flexibilidade lembrando que somente exercícios de flexibilidade não compõe o aquecimento. Para alongar um determinado grupo muscular coloque esse grupo muscular em posição alongada e mantenha a posição por aproximadamente 20 segundos. Repita essa operação por 3 vezes alternando os diferentes grupos musculares do seu corpo. A prática dos exercícios de flexibilidade irá contribuir para aumentar a amplitude de movimentos nas diferentes articulações do seu corpo, isso será benéfico para a prática da corrida.

3. Quais estratégias devem ser aplicadas para o melhor controle de seu treinamento de corrida? Quais são os 4 fatores primordiais que devem ser observados e qual é a relação entre eles para o praticante iniciante e o mais experiente?

Controle a intensidade dos exercícios levando o músculo a uma posição de desconforto e não de dor, a dor significa que você pode estar ultrapassando os seus limites.

Você deve levar em consideração 4 fatores: duração, intensidade, frequência e tipo de atividade.

Para um iniciante a melhor maneira de controlar sua sessão de corrida é aumentando a duração e não a intensidade. É evidente que existe uma relação entre intensidade e duração, quanto maior a duração da tarefa menor a intensidade e vice-versa. Comece caminhando ou correndo lentamente por 15 a 20 minutos esperando que você chegue ao final de seu processo de treinamento com uma duração do 30 a 40 minutos, lembre-se de anotar a distância da corrida em cada uma dessas durações pois isso irá permitir a você a observar a evolução do seu processo de treinamento.

De uma maneira prática nós definiremos a intensidade em 3 níveis: caminhada, o trote ou a corrida lenta e a corrida propriamente dita. Dependendo do seu estado de treinamento inicie seu programa com uma caminhada, depois progrida para uma combinação da caminhada com o trote, após isso o trote com a corrida e finalmente a corrida.

4. O que devemos estar atentos para avaliarmos o quão intensa esta a corrida para o seu praticante ?

Uma maneira simples de controlar a intensidade é o teste da conversa, se você conseguir manter uma conversação durante a caminhada e ou a corrida isso significa que a intensidade está próxima da ideal. Se você não conseguir aprenda a ouvir também os sinais do seu corpo: dores, náuseas, tontura ou qualquer outro sinal de cansaço excessivo você deve diminuir a intensidade ou interromper o exercício.

5. Qual a frequência ideal para a prática de corrida?

Procure treinar pelo menos 3 vezes por semana preferencialmente em dias alternados, vá aumentado o número de dias até chegar a 5 a 6 vezes por semana, mas lembre-se de deixar um dia para recuperar o seu corpo.

6. Quando falamos a respeito de tipo de atividade quais fatores devem ser observados em relação à corrida?

Em relação ao tipo de atividade você pode praticar sua corrida em ambientes externos ou em esteira, qualquer uma das situações, seja cauteloso no uso de inclinações, subidas ou descidas pois podem aumentar a intensidade da corrida e colocar mais sobrecarga nas suas articulações, espere você obter um determinado nível de condicionamento físico para usar essas possibilidades.

7. Qual a importância da Musculação como atividade complementar á corrida?

A musculação irá permitir que você corra de maneira mais eficiente e mais econômica e a melhoria do condicionamento muscular irá também ajudar você a proteger as suas articulações dos movimentos repetitivos da corrida.

8. Quais as dicas que o Prof. Dr. Valmor Tricoli profere em relação à prática da corrida?

Algumas dicas são fundamentais, não tente fazer tudo de uma única vez, vá progredindo lentamente, varia a sua corrida, corra em diferentes ambientes e finalmente lembre-se o seu desenvolvimento de condicionamento físico é muito rápido mas com o passar do processo de treinamento os avanços serão mais lentos, mas não desista, mantenha o seu treinamento e boa corrida.

Júlia Guimarães Ubiali, estudante de graduação.



 

Veja também:

CURSOS NAS ÁREAS:

  • Exatas
  • Humanas
  • Biológicas

© 2016-2017   |   faculdades.inf.br   |   Em Jesus Cristo nós confiamos