Disciplinas de Cursos Superiores

Análises das matérias de cursos superiores escritas por estudantes universitários e graduados das universidades: USP, UFMG, UNIP, UERJ, UFJF, UFOP, UNIFESP, Unigranrio, PUC-SP, UFSC, Fatec-SP, UFABC, UFF, UFPI, ULBRA, entre outras.


Homem e Sociedade do curso superior de Letras



O conteúdo que escrevi, foi uma iniciativa com base em uma aula de sociologia, quando o professor questionou sobre o queríamos para nossos filhos e o estávamos fazendo para que chegassem onde gostaríamos, como eu já observava meus filhos fundamentado em Jean Piaget, encontrei oportunidade e métodos para observar os garotos do vilarejo, e, visitar os pais para ver como se dava o relacionamento em casa, já que os tinha como alunos.

A intenção de escrever sobre o assunto, é que o mesmo é muito abordado nas escolas onde trabalho e visito. a falta de disciplina, o descaso pelos estudo, o alto índice de pessoas que estão concluindo o ensino médio sem os conhecimentos necessário para se colocarem no mercado de trabalho e o crescimento de jovens entrando no mundo das droga e cometendo atos violentos contra as famílias e sociedade.

A forma como trabalho este assunto é fazendo palestras sobre a prevenção do uso de drogas em escolas públicas, atividade iniciada a partir de um curso que fiz na UFMG. Encontrei neste curso o espaço que procurava para me colocar mais perto das famílias e alunos de várias escolas, muitos deles me procuram para conversar procurando como resgatar a confiança da família, durante estas conversas me dizem como é sua convivência em casa. Já os pais confirmam que dão tudo que o filho quer, e quando não podem fazer isso são agredidos verbalmente as vezes até fisicamente.

Na plenitude da contemporaneidade, eu sonho com o dia em que a paz será uma realidade entre os homens, paz esta que o próprio homem atualmente conturba com desvios de comportamentais e atitudes iniciadas no seio da própria família; o excesso de liberdade de escolha das proles modernas contribui para um mundo mais violento.

Um fator que contribui para este caos é a introdução da informática nas casas das famílias que não sabem lidar com esta tecnologia, pessoas gastam o que não possuem para mostrarem quem não são, simplesmente para se colocaram no meio das pessoas que tem poder aquisitivo notável. Esta atitude transforma o homo sapiens em um ser mecanizado. O contato da criança com dispositivos móveis, despertam a atenção para o visível, adormecendo o lado criativo. Posso afirmar esta tese com base em observação de pessoas que convivem em minha volta e lidando com seus filhos em sala de aula ao longo dos últimos dez anos. Como a criança tem facilidade de codificar símbolos, é divertido para ela os jogos eletrônicos, tem movimentos, sons e cores, elas não sabem especificar o que vem, mas sabem manusear o equipamento pelas repetições de movimentos no display dos dispositivos. Ignorando o

MERIM, Evaldo pereira Graduado em Letras pela Universidade Estadual do Maranhão Especialização em supervisão escolar pela UNIASSELVE - RS Autor do Hino Municipal de Colider-Mt Autor da Bandeira de Presidente Médici-MA



 

Veja também:

CURSOS NAS ÁREAS:

  • Exatas
  • Humanas
  • Biológicas

© 2016-2017   |   faculdades.inf.br   |   Em Jesus Cristo nós confiamos