Disciplinas de Cursos Superiores

Análises das matérias de cursos superiores escritas por estudantes universitários e graduados das universidades: USP, UFMG, UNIP, UERJ, UFJF, UFOP, UNIFESP, Unigranrio, PUC-SP, UFSC, Fatec-SP, UFABC, UFF, UFPI, ULBRA, entre outras.


Faculdade de Psicologia: Técnicas Projetivas



A disciplina de Técnicas Projetivas, em geral, é a continuação de uma série de disciplinas sobre Avaliação Psicológica. A Avaliação Psicológica é um campo muito importante da Psicologia, pois permite chegar a hipóteses diagnósticas e delinear um tratamento interventivo para o indivíduo ou o grupo avaliado. Um dos instrumentos utilizados são as Técnicas Projetivas. Por isso, se você se interessa por esta área, dedique-se bastante a essa disciplina. Não somente por ser muito interessante, mas, principalmente, porque os testes projetivos são complexos e exigem muito conhecimento e experiência.

As Técnicas Projetivas se diferem das outras técnicas, pois são qualitativas e sua interpretação é subjetiva. Os testes projetivos procuram características no sujeito que não são identificadas diretamente, geralmente, aspectos inconscientes da personalidade do sujeito. Através de desenhos, cores, jogos, histórias etc., o indivíduo expressa externamente traços de seu funcionamento interno. Por isso, a interpretação dos resultados irá depender muito da experiência do avaliador.

E é exatamente esse ponto que assusta os graduandos. Como não temos muitas oportunidades de aplicar e corrigir estes testes durante a faculdade, nos sentimos muito inseguros nos estágios. Será que seremos fiéis na interpretação dos resultados? Será que nossas emoções irão influenciar nos mesmos? Outro questionamento sobre a precisão dos resultados são as condições do próprio sujeito avaliado. Não se sabe ao certo até que ponto alguns aspectos do indivíduo, como o cansaço, o sono, a fome, a vontade de realizar o teste, entre outros, podem afetar os resultados. Então, pode-se perceber que a incerteza ronda esta disciplina e é necessário que você tire todas as suas dúvidas no decorrer da faculdade para estar convicto de que, após a graduação, você queira inserir as técnicas projetivas em sua atuação profissional.

Essa disciplina é baseada na Teoria Psicanalítica, de Sigmund Freud, apesar de também considerar teorias pós freudianas. Deste modo, o estudo das teorias que embasam os testes projetivos é imprescindível para o sucesso dos resultados. Neste caso, teoria e prática andam lado a lado. O aluno-avaliador deve estar preparado teoricamente para o êxito no momento da prática.

Vê-se que a complexidade da disciplina pode nos trazer insegurança, medo e, até mesmo, descrédito. O que irá realmente fazer a diferença é a experiência do professor, que, em tese, deve ser especializado em Avaliação Psicológica e/ou Técnicas Projetivas.

Assim, a disciplina de Técnicas Projetivas demanda bastante dedicação e afinco do aluno. De qualquer maneira, após a graduação, caso você se interesse pela área de Avaliação Psicológica, sugiro que procure um bom curso de especialização.

Joanne Jardim, psicóloga, graduada na FEPI - Fundação de Ensino e Pesquisa de Itajubá



 

Veja também:

CURSOS NAS ÁREAS:

  • Exatas
  • Humanas
  • Biológicas

© 2016-2017   |   faculdades.inf.br   |   Em Jesus Cristo nós confiamos