Disciplinas de Cursos Superiores

Análises das matérias de cursos superiores escritas por estudantes universitários e graduados das universidades: USP, UFMG, UNIP, UERJ, UFJF, UFOP, UNIFESP, Unigranrio, PUC-SP, UFSC, Fatec-SP, UFABC, UFF, UFPI, ULBRA, entre outras.


Cálculo com Geometria Analítica. Faculdade de Engenharia Civil



Introdução

A disciplina de geometria analítica é uma matéria ministrada no primeiro período do curso de engenharia civil. Sendo uma matéria da área de exatas, provavelmente a maioria ou todos os cursos desta área estuda esta disciplina. O aluno que escolhe um curso na área de exatas geralmente tem afinidades com matemática. A geometria analítica nada mais é que o estudo de funções com um maior nível de complexidade.

O estudante inicia seus estudos de funções ainda no primário, ou seja, na primeira fase escolar. Nesta fase, o aluno estuda na disciplina de matemática um método de como encontrar um valor desconhecido em uma soma algébrica. No ginásio, ele aprende a trabalhar com as equações. No segundo grau, o aluno continua a estudar equações ou funções, não somente da disciplina de matemática, mas também na física, na química, na biologia, etc. No curso superior o aluno tem uma visão mais ampla de todo o conteúdo ministrado nas etapas anteriores. Nesta fase de aprendizagem inicia-se o que chamamos de como aplicar o conhecimento que está sendo estudado.

1 – O cálculo

O aluno que inicia o curso superior na área de exata e tendo que estudar geometria analítica como uma das disciplinas, terá dificuldade caso ele já tenha um débito nos conteúdos de funções. No segundo grau, o estudante trabalha com vários tipos de funções. São elas: funções do primeiro grau, função quadrática, função exponencial, função modular, função logarítmica, entre outras. Classificando geometria analítica como apenas mais um tipo de funções, o aluno preparado para mais um desafio, não terá muitos problemas.

O professor normalmente espera do aluno uma boa desenvoltura no conhecimento dos tipos de gráficos. Ele espera que o aluno saiba interpreta-los. O estudo de geometria analítica pode ser classificado como mais complexo em relação aos estudos de funções e voltado para a aplicação. Neste sentido, o aluno pode demonstrar certa dificuldade, pois ele precisa entender como e quando determinada estrutura de cálculo pode ser usado no dia a dia. É esta visão que o estudante muitas vezes não tem. Muitos até questionam por que estudar determinadas disciplinas. Eles alegam que não vê aplicação.

Cabe ao professor mostrar em quais situações será necessário o conhecimento das disciplinas ministradas em sala de aula. Geralmente, esta matéria costuma ser ensinada com uma breve explicação teórica e bastante exercícios. O aluno precisa resolver problemas que engloba o estudo de retas no plano cartesiano, bem como suas transformações.

Conclusão

No entanto, o aluno de curso na área de exata estuda várias disciplinas que envolve muito cálculo. Logo, a geometria analítica é tão importante quanto o estudo de limites, derivadas e integrais, pois esta também tem suas aplicações em projetos científicos dentro da faculdade ou externo a ela. Além disso, estudar problemas matemáticos é um incentivo a descobertas, a criatividade do aprendiz.

Márcia Gonçalves dos Santos, graduada em Engenharia civil pela faculdade Metropolitana de Maraba-PA.



 

Veja também:

CURSOS NAS ÁREAS:

  • Exatas
  • Humanas
  • Biológicas

© 2016-2017   |   faculdades.inf.br   |   Em Jesus Cristo nós confiamos